Burn a Disk

2017

 Vídeo | 9'58'' | Loop

CONCEITO/SINOPSE

Burn a Disk (2017), é um ritual funerário de imagens no processo de escaneamento. O trabalho apresenta um paradoxo contemporâneo: o descarte de arquivos analógicos e o excesso da informação no mundo digital. Questões como a obsolescência de antigos fetiches, a relação entre imortalidade e virtualização, a representação de emoções mediadas por novos meios e narrativas elaboradas no universo dos hyperlinks. A criação de novas crenças, profecias e doutrinas, bem como a afetividade, a ilusão e o misticismo dentro desses santuários digitais, são um mergulho nos mecanismos difusos que estruturam e compõem a descontínua e reconstruída memória contemporânea.

CONCEPT/SYNOPSIS

Burn a Disk (2017),  is a Funerary Ritual of images in the scanning process. The work addresses a contemporary paradox: the discard of analog archives and the excess of information in the digital world. Open questions about the obsolescence of old fetishes, the relationship between immortality and virtualization, the representation of emotions mediated by new means and the narratives elaborated in the universe of hyperlinks. The creation of new beliefs, prophecies, and doctrines, as well as the affectivity, illusion, and mysticism within these digital sanctuaries, are a dive into the diffuse mechanisms that structure and compose discontinuous and reconstructed contemporary memory. 

*Fotos: MADA - Mostra Audiovisual do Barreiro (2018)

Catálogo da MADA - 1ª Mostra Audiovisual do Barreiro (2018)

©2020 por/by Nicole Kouts